Usando o OSHC

Se eu estivesse no Brasil, já estava na época de fazer meus exames de rotina [ginecológicos]. Então, não é porque eu estou na Austrália que eu vou deixar de ir ao médico. Aqui, você não marca pra o especialista. No meu caso, eu não podia marcar pra um ginecologista, e sim pra um GP [General Practitioner - ou o famoso clínico geral]. 

O nosso seguro saúde aqui [o nosso plano é para o casal] é o Bupa. No site deles tem uma parte destinada ao OSHC, que é o seguro-saúde para estudantes internacionais. Clicando lá [link AQUI], vai aparecer a página abaixo:




Então, clicando em "members help guide", você clica em "find a doctor". Nessa opção, colocando seu Postcode [CEP], vai aparecer uma lista com as clínicas mais perto de você. No meu caso, só apareceu o Perth Medical Centre, e eu pude escolher o médico e agendar o melhor horário pra mim, tudo pela internet. Não sei como funcionam as outras clínicas, mas certamente em algumas delas vai ser necessário ligar ou ir lá mesmo. Nessa clínica tinha todos os horários disponíveis dos médicos nos próximos dias, inclusive no mesmo dia.

Eles me mandaram um e-mail com todos os detalhes da consulta, avisando pra ligar se não pudesse comparecer e pra chegar 10 minutos antes. Chegando lá, a moça da recepção me deu uma ficha, eu preenchi e entreguei à ela junto com o cartão do Bupa. Aí ela diz o valor da consulta, que foi $30, já com o desconto do seguro-saúde. Eu paguei em dinheiro, não sei se aceitam cartão.

Entrando na médica, eu só fiz dizer que queria fazer os exames de rotina. Ela me deu um papel e fui direto pro laboratório [que era no mesmo centro médico]. A pessoa do laboratório é a mesma que faz o exame e que recebe o pagamento [estranho né?], e nesse caso ela só aceitava cartão. Então,vá com dinheiro e cartão. Ela então me deu um cartãozinho e disse que o exame sairia em 5 dias úteis.

Passados os dias, fui lá na recepção e mostrei o cartão do laboratório. A moça que me atendeu só disse que o exame tinha dado "normal". Apenas isso. Ela não imprimiu nem nada. Acredito que se tivesse dado algo eu voltaria na médica, como se fosse um retorno, mas não tenho certeza.

Quanto ao reembolso do exame, fui lá no Bupa [pode ser pela internet também, link AQUI], mas não sei porque não consegui me cadastrar] e apresentei o recibo do pagamento do exame. Só que o moço que me atendeu lá, disse que eu precisaria do invoice [fatura] e do "medical certificate", que é um papel que o médico preenche de um lado explicando o porquê da necessidade daquele exame e do outro lado o paciente preenche. Voltei na clínica com esse papel [que me deram lá no Bupa], e a recepcionista me disse que eu teria que marcar outra consulta com a médica pra que ela preenchesse. Deixei pra lá, né... Se já estou querendo o reembolso, pra quê pagar mais S30?

Voltando pra casa entrei no site do Bupa pra ver isso... Porque a moça que fez o exame em mim disse que eu apresentasse aquele recibo pra reivindicar uma parte do dinheiro pago. Em nenhum momento me disseram que precisaria nem de invoice nem de "medical certificate". No site do Bupa [nesse link AQUI], eles mostram passo-a-passo como obter o reembolso... Eu deveria ter lido antes... Mas fica a dica né... Ah, eu li no site que esse "medical certificate" só é necessário se você tiver menos de 12 meses de cobertura do seguro-saúde.

Reembolso de medicamentos: Nesse meio tempo, Adriano também precisou ir no médico pra ver uma alergiazinha de pele. Compramos o creme receitado pelo médico na farmácia e o farmacêutico nos deu o tal do "invoice". Fomos lá no Bupa e eles nos devolveram parte do dinheiro. Pelo que li, medicamentos com valores acima de $50 são reembolsáveis. Nós desembolsamos uma taxa de $38.80 e eles pagam o restante [isso só vale para mediamentos prescritos pelo médico]. A diferença você recebe na sua conta do banco. Então leve o número da sua agência e número da conta anotados. Ah, e também existe um limite reembolsável para medicamentos: $300 [singles] ou $600 [couples or family] por ano.

Conselho 1: se você estiver doente em dia de semana, marque um GP em alguma clínica perto de você. Já ouvi relatos de pessoas que foram pra emergência por causa de besteira e acabaram esperando muuuuuito nos hospitais. Emergência aqui é realmente EMERGÊNCIA, e quem está pior logicamente vai esperar menos do que quem tem "só" uma dor de garganta.

Conselho 2: Passe no Bupa antes de precisar ir no médico e pegue esse Medical Certificate [ou baixe AQUI]. Se for preciso fazer alguma intervenção, já peça pro médico preencher. Nunca esqueça de pedir o recibo e o invoice [que eu achava que era a mesma coisa].

Comentários

Postagens mais visitadas